Suíno: cotações mistas e altas mais discretas nesta segunda-feira



A semana começou com cotações mistas para o mercado de suínos e altas menos expressivas do que as vistas no início do mês. De acordo com análise da Scot Consultoria, o consumo interno segue fraco durante a pandemia e, assim, o mercado poderá seguir mais frouxo em curto prazo.

Segundo a empresa, em São Paulo, houve queda de 1,47%/1,43% no preço da carcaça especial, que ficou cotada em R$ 6,70/R$ 6,90 o quilo, enquanto a arroba do suíno CIF permaneceu com preço estável entre R$ 86/R$ 89.

Em relação ao animal vivo, de acordo com informações do Cepea/Esalq, referentes à sexta-feira (22), os preços ficaram sem alteração no Paraná e no Rio Grande do Sul, com valores de R$ 4,17/kg e R$ 4,02/kg, respectivamente.

São Paulo teve alta de 0,42% no preço do animal vivo, chegando a R$ 4,74/kg, aumento de 0,24% em Santa Catarina, cotado em R$ 4,10/kg, e de 0,20% em Minas Gerais, fechando em R$ 5/kg.




Entrevistas +

Noticias sectoriales

 
 

Cadastro Newsletter Suino Brasil Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies